Guia completo para montar a mala da maternidade: dicas essenciais para mamães preparadas.

O que devo levar na mala maternidade da mamãe?

Encontre nesse guia tudo que precisa saber! Vamos arrumar a sua Mala da Maternidade? Chegou o momento que você mais esperava! Arrumar a mala da maternidade é um misto de emoções. Ansiedade, para ter logo o seu bebê nos braços; medo do que está por vir; dúvidas sobre o que deve ser levado e uma felicidade que não cabe em mala nenhuma.

Descubra o que está mudando em seu corpo e com o bebê nos instantes finais de gestação, neste artigo que mostra tudo o que acontece durante a gravidez, semana a semana. Esses momentos quase sempre são cercados de muita ansiedade.

Móveis, decoração, lembrancinhas, enfeite da porta do quarto, enxoval e a famosa mala da maternidade são algumas das demandas que passam a fazer parte do dia a dia de papais e mamães.

Para que essa tarefa não seja estressante e você consiga curtir esses momentos finais de gestação, preparamos uma lista dos itens que compõem a mala da maternidade. Esperamos contribuir para que todos passem por esse momento de maneira mais leve e tranquila.

Neste artigo, você vai aprender:

  • Boa leitura!
  • A mala da maternidade é um item muito importante para as mamães e papais. Ela deve conter tudo que será necessário nos primeiros dias do recém-nascido. Assim que o bebê nasce, existe um período de adaptação, reconhecimento e conexão. Como esses primeiros dias se passam no hospital, longe do lar da família, é a mala da maternidade que vai garantir os itens básicos para transformar aqueles momentos.
  • IMPORTANTE: antes de você sair colocando qualquer coisa na sua mala, lembre-se de conferir com a maternidade quais itens são sugeridos por eles, pois as peças ou quantidades podem variar de um local para o outro. Você vai precisar levar roupas e itens de higiene para você e para seu bebê. É importante não esquecer dos itens pessoais para quem vai acompanhá-la durante os dias no hospital.
  • Em relação às roupas para o bebê, opte por aquelas com abertura frontal e botões de pressão para facilitar as trocas.
  • O que NÃO levar na mala da maternidade
  • Na mala de maternidade vão os itens essenciais para que os primeiros dias com seu bebê sejam tranquilos e nada falte. Por isso, ela não deve ser muito complexa. Lembre-se que você poderá ficar por até quatro dias no hospital, em caso de cesárea.
  • Não há necessidade de a mala ser muito grande. Evite levar itens de decoração, roupas de cama ou de passeio. O seu recém-nascido precisa de roupas confortáveis. Por isso, não compre peças com zíper ou velcro. Esses materiais podem acabar machucando ou incomodando seu bebê.
  • Existem alguns itens que são indispensáveis na mala maternidade. Uma coisa é deixar para trás um cotonete ou algodão. Mas se esquecer da roupinha para sair da maternidade, por exemplo, é um problemão.
  • Para evitar isso, listamos abaixo os itens básicos que você precisa considerar na hora de montar sua mala de maternidade. Lembre-se do que falamos antes: consulte as recomendações da sua maternidade. Em geral, as listas de maternidade são assim:
Leia também  Cobertura de chocolate com creme de leite

O que levar para o bebê?

O recém-

O que levar na mala maternidade do bebê SUS lista?

Esse post é para você, mamãe, que não sabe o que levar na mala do bebê para a maternidade.

Primeiro é importante você saber quantos dias mamãe e bebê costumam ficar na maternidade. Isso pode variar de acordo com o tipo de parto (normal ou cesárea) e se a maternidade é hospital público ou privado (convênio ou particular).

Em geral, costuma ser da seguinte forma:

  • Parto Normal: internação de 1 a 2 dias
  • Parto Cesárea: internação de 3 a 4 dias

Na maternidade pública SUS é provável que mamãe e bebê fiquem internados apenas 1 ou 2 dias, mesmo em casos de cesárea (caso esteja tudo bem).

Nem sempre é possível saber se o parto será normal ou cesárea. Apesar do grande desejo de ter um parto normal, infelizmente, nem todas as mamães conseguem ter esse tipo de parto e é necessário fazer a cesárea.

Além disso, maternidades públicas, geralmente solicitam que a mamãe leve itens de higiene do bebê, como sabonete, algodão, fraldas descartáveis, toalha e até mesmo lençol de berço.

Já as maternidades particulares, em geral, fornecem esses itens e não há necessidade de levá-los na mala.

É provável que você já saiba em qual maternidade terá seu bebê. Portanto, deve saber se será uma maternidade pública ou privada.

Muitas maternidades particulares disponibilizam em seus sites, a lista de itens que mamãe e bebê devem levar. Vale a pena conferir essa informação para não errar na quantidade e saber se a maternidade fornece itens de higiene.

QUANTIDADE DE ROUPINHAS

A quantidade de itens que você deve levar depende da quantidade de dias que mamãe e bebê ficarão internados.

O cálculo deve ser feito da seguinte forma:

1 troca de roupa completa por dia + 1 troca de roupa extra por dia

Ou seja, são 2 trocas de roupa por dia.

Cada troca completa inclui:

  • 1 Macacão
  • 1 Body
  • 1 Calça culote/mijão (é a mesma coisa)
  • 1 Par de meia

Por que levar uma troca de roupa extra por dia?

Porque a roupinha pode sujar. Imprevistos acontecem. A fralda pode vazar, o bebê pode regurgitar e ficar cheirando azedo. Eu acredito que você já tenha providenciado um enxoval para seu bebê com boa quantidade de roupinhas, portanto, já tem a quantidade de roupinhas necessárias para a maternidade. Melhor pecar pelo excesso do que ter que pedir para alguém ir em casa buscar mais roupinhas.

Além das roupinhas, é necessário levar outros itens, como mantas e fraldinhas.

Lista do Que Levar Para a Maternidade na Mala do Bebê

Como a maioria das internações são em torno de 3 dias, consideramos que a lista padrão de itens para levar para o bebê são:

LISTA PADRÃO MALA MATERNIDADE DO BEBÊ

  • 6 Macacões
  • 6 Body
  • 6 Calças (culote/mijão)
  • 6 Pares de meia
  • 2 Pares de luva (opcional)
  • 2 Gorros (opcional)
  • 2 a 3 Mantas (ou cobertor se o bebê nascer no inverno)
  • 6 Fraldas de boca (fraldinha de pano pequena)
  • 4 Fraldas de ombro (fralda de pano grande)
  • 1 Almofada de amamentação (opcional)
  • Bebê conforto (item de segurança super importante)

Caso a internação seja em maternidade pública por menos de 3 dias, você vai trazer as roupinhas não usadas de volta.

O que colocar primeiro na mala Maternidade?

A malinha do bebê Arrume em cada envelope uma troca por dia, composto por: 1 macacão, 1 body, 1 pagão e 1 par de meia. Evite usar golas e babados muito grandes para não incomodar o bebê e atrapalhar a mãe durante a amamentação. Procure utilizar tecidos adequados à estação do ano (linha, lã, moletom, algodão, e outros)

Quais são as coisas mais úteis para uma mãe de primeira viagem?

O QUE COMPRAR PARA AS MÃES DE PRIMEIRA VIAGEM?
1
Livros sobre maternidade. Não há nada melhor do que um livro que explore as diversas facetas dessa nova fase. …
2
Kit de autocuidado. …
3
Acompanhamento com enfermeira obstétrica e equipe especializada. …
4
Serviços de apoio. …
5
Diário de memórias.

Leia também  Como escolher uma caixa térmica com rodas?

O que levar para a maternidade na bolsa do bebê?

“O que levar na bolsa maternidade? Confira o checklist completo para a mamãe e o bebê!

Canais de Atendimento Gratuitos

  • Central de Relacionamento: 0800 016 66 33 (24 horas, 7 dias por semana)
  • SAC: 0800 016 6633 opção 6
  • Deficientes Auditivos: 0800 770 36 11

Utilizamos cookies para melhorar sua experiência no nosso portal. Acesse o link Política de privacidade para saber mais sobre o assunto.

O que levar para maternidade SUS 2023 para o bebê SUS?

Neste período de espera para (finalmente!) conhecer o seu bebê, além da realização do pré-natal com o seu médico, é possível que você já tenha comunicado o seu plano de parto.

E a mala da maternidade, já está preparada?

Confira na nossa lista, alguns itens básicos que irão acompanhar você e a sua família nesse momento especial!

Mãe: já tem o seu plano de parto?

No dia do nascimento do bebê, dentro do Centro Obstétrico, será necessário apenas uma muda de roupa, contendo:

  • 1 macacão com botões na frente
  • 1 body de algodão
  • 1 par de meias
  • 1 touca de lã
  • 1 cobertor leve
  • 2 fraldas de pano

Dessa forma, o seu bebê estará devidamente protegido e aquecido nas suas primeiras horas de vida.

A lista com os itens que o seu bebê precisará na maternidade já está pronta.

No momento pós-parto até a alta, o hospital garantirá toda a segurança de um ambiente controlado para a nova família.

Em casa, alguns outros cuidados serão necessários. Vamos conferir se você já tem tudo o que precisa para atender o seu recém-nascido?

Para mais dicas sobre o mundo da maternidade, conheça o Manual do Bebê, na Área da Gestante do Hospital Dona Helena.

A lista de itens para acompanhar você na maternidade serve para trazer mais previsibilidade e segurança a esse momento de mudança, afinal, a família aumentou!

Pensando na tranquilidade da paciente nesse momento, recomendamos que não sejam trazidos ao hospital objetos de valor, tais como: cartão de crédito, dinheiro, relógio, celular ou joias.

Havendo necessidade, os pertences pessoais da mãe devem ficar sob responsabilidade do acompanhante, nossa instituição não se responsabiliza pelo extravio.

Lembramos que, na alta hospitalar, a paciente somente será liberada mediante a presença de um acompanhante.

A mala da maternidade pode ser organizada em qualquer momento da gestação. Contudo, é indicado que as famílias comecem essa tarefa a partir da 32ª semana de gravidez.

Isso porque, a partir desse marco, aproxima-se a data do nascimento, seja qual for a opção de parto: natural ou cirurgia cesária.

Para mais informações e acompanhamento do seu caso, agende uma consulta.

A alta da internação na maternidade requer alguns cuidados, não apenas para mãe, que terá o seu momento pós-operatório, ou para a família, que inicia um novo ciclo em casa.

Para o bebê sair do hospital em segurança, a Lei da Cadeirinha, sancionada em 2008 pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), rege a obrigatoriedade de uso do bebê conforto para o transporte de crianças a partir de 0 anos em veículos.

Leia mais sobre a Resolução 277 do CONTRAN.

Tudo pronto para o grande momento?

Faça o download da Lista da Maternidade 2023 em pdf e organize a sua mala com tranquilidade.

Utilizamos Cookies para armazenar informações de como você usa o nosso site com o único objetivo de criar estatísticas e melhorar as suas funcionalidades. Para saber mais sobre como esses Cookies funcionam, consulte o nosso Aviso de Privacidade.

Quantas peças de roupa levar para maternidade para o bebê?

Arrume em cada envelope uma troca por dia, composto por: 1 macacão, 1 body, 1 pagão e 1 par de meia. Evite usar golas e babados muito grandes para não incomodar o bebê e atrapalhar a mãe durante a amamentação. Procure utilizar tecidos adequados à estação do ano (linha, lã, moletom, algodão, e outros)

Leia também  Como cortar a menstruação para ter relação

O que levar para o bebê na maternidade do SUS?

Encontre nesse guia tudo que precisa saber! Vamos arrumar a sua Mala da Maternidade? Chegou o momento que você mais esperava! Arrumar a mala da maternidade é um misto de emoções. Ansiedade, para ter logo o seu bebê nos braços; medo do que está por vir; dúvidas sobre o que deve ser levado e uma felicidade que não cabe em mala nenhuma.

Descubra o que está mudando em seu corpo e com o bebê nos instantes finais de gestação, neste artigo que mostra tudo o que acontece durante a gravidez, semana a semana. Esses momentos quase sempre são cercados de muita ansiedade.

Móveis, decoração, lembrancinhas, enfeite da porta do quarto, enxoval e a famosa mala da maternidade são algumas das demandas que passam a fazer parte do dia a dia de papais e mamães.

Para que essa tarefa não seja estressante e você consiga curtir esses momentos finais de gestação, preparamos uma lista dos itens que compõem a mala da maternidade. Esperamos contribuir para que todos passem por esse momento de maneira mais leve e tranquila.

Neste artigo, você vai aprender:

  • Boa leitura!

A mala da maternidade é um item muito importante para as mamães e papais. Ela deve conter tudo que será necessário nos primeiros dias do recém-nascido. Assim que o bebê nasce, existe um período de adaptação, reconhecimento e conexão. Como esses primeiros dias se passam no hospital, longe do lar da família, é a mala da maternidade que vai garantir os itens básicos para transformar aqueles momentos.

IMPORTANTE: antes de você sair colocando qualquer coisa na sua mala, lembre-se de conferir com a maternidade quais itens são sugeridos por eles, pois as peças ou quantidades podem variar de um local para o outro. Você vai precisar levar roupas e itens de higiene para você e para seu bebê. É importante não esquecer dos itens pessoais para quem vai acompanhá-la durante os dias no hospital. Em relação às roupas para o bebê, opte por aquelas com abertura frontal e botões de pressão para facilitar as trocas.

O que NÃO levar na mala da maternidade

Na mala de maternidade vão os itens essenciais para que os primeiros dias com seu bebê sejam tranquilos e nada falte. Por isso, ela não deve ser muito complexa. Lembre-se que você poderá ficar por até quatro dias no hospital, em caso de cesárea. Não há necessidade de a mala ser muito grande. Evite levar itens de decoração, roupas de cama ou de passeio. O seu recém-nascido precisa de roupas confortáveis. Por isso, não compre peças com zíper ou velcro. Esses materiais podem acabar machucando ou incomodando seu bebê.

Existem alguns itens que são indispensáveis na mala maternidade. Uma coisa é deixar para trás um cotonete ou algodão. Mas se esquecer da roupinha para sair da maternidade, por exemplo, é um problemão. Para evitar isso, listamos abaixo os itens básicos que você precisa considerar na hora de montar sua mala de maternidade. Lembre-se do que falamos antes: consulte as recomendações da sua maternidade. Em geral, as listas de maternidade são assim:

O que levar para o bebê?

O recém

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *